sábado, 1 de outubro de 2011

A mais linda de todas!!!




Considerada a capital cultural das Américas, Nova York reúne pessoas e culturas de todos os cantos do mundo. Uma das maiores cidades do planeta, Nova York oferece uma infinidade de atrações em qualquer época do ano, embora seja especialmente agradável durante a primavera e o outono.
Nova York ostenta uma extraordinária variedade de museus e galerias, e uma noite incomparável. As principais atrações estão localizadas na ilha de Manhattan, endereço obrigatório para os visitantes de Nova York. A ilha abriga loja luxuosas, zonas residenciais e o mais importante centro financeiro do planeta.

Pontos Turísticos:
Estátua da Liberdade: Situada na Liberty Island, em frente ao Porto de Nova York, a estátua foi doada pela França como um sinal da amizade entre os dois países, constitui-se em um dos monumentos mais famosos do mundo, é símbolo dos EUA.
Empire State Building: com 102 andares, é um maravilhoso exemplo da arquitetura da 1° metade do séc. XX, Os observatórios ficam do 86° ao 102° andar, e oferecem uma magnífica vista panorâmica da cidade. O edifício é o maior de Nova York e o segundo maior dos EUA.

Central Park: É o santuário de Nova York, um magnífico jardim de 337 alqueires, com lagos, áreas para prática de esportes (como ringues de patinação no gelo, quadras de tênis, pista de Cooper, beisebol, entre outros) e espaços para atrações culturais. Está localizado no coração de Manhattan, em pleno centro financeiro de Nova York.
Time Square: na esquina mais famosa de Nova York, os turistas podem encontrar cinemas, teatros, megastores e luminosos mirabolantes.
Ellis Islanda: ilha foi integrada ao Monumento Nacional da Estátua da Liberdade. O edifício principal de Ellis Island é agora um museu dedicado à história da imigração de Nova York e ao importante papel desempenhado pela ilha durante as migrações de massa na América, no séc. XIX.
Battery Park: no extremo sul de Manhattan, seu principal atrativo é o Castelo Clinton, além disso, o parque possui amplos jardins e serve como acesso à Ilha da Liberdade e à Ellis Island.
Ponte do Brooklin: considerada a oitava maravilha do mundo quando foi terminada em 1883, a ponte é uma obra prima da engenharia, com seus cabos de suspensão e uma bela vista de Nova York, e liga Manhattan ao Brooklin, passando sobre o East River.
Rockfeller Center: visto como uma obra prima do design urbano em Nova York, o local oferece opções gastronômicas, lojas e serviços. Na parte baixa, a praça é utilizada como ringue de patinação no gelo durante o inverno e como restaurante ao ar livre no verão.
Soho: é uma parte de Nova York onde se concentram galerias, lojas e butiques famosas, onde são vendidas preciosas curiosidades. Destaque para a sua arquitetura de aço fundido, que abriga grandes lofts habitados por artistas.
Tribeca: sem a arquitetura e a fama do Soho, mas com suas atrações próprias, abriga galerias, bares e cafés em suas fábricas abandonadas. É um bairro muito freqüentado por astros.
Greenwich Village: é o bairro mais popular de Nova York, reduto da boemia novaiorquina, já foi o refúgio de astros do Rock, como Jimi Hendrix e Bob Dylan, e hoje abriga bares, cafés e lugares históricos, e também a Washington Square, com um grande movimento de estudantes da New York University.
Metropolitan Museum of Art: é o maior museu de arte das Américas, com mais de 02 milhões de obras.
Museum of Modern Art (Moma): é um dos maiores e mais visitados museus de Nova York. Sua coleção permanente abriga obras de Picasso, Van Gogh e Mondrian, entre outros artistas.
Museu Goggenheim: um edifício cônico de 07 andares cujo interior abriga importantes obras dos séc. XIX e XX, bem como exposições itinerantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário